Palavras-chave: O que são? Como escolher as melhores?

Publicado em: 12 de junho de 2022

Palavras-Chave: O que são

Palavras-chave

As palavras-chave são termos que destacam algum conteúdo e são compostas por uma ou mais palavras. Ou seja, essas Keywords (em inglês), são termos específicos que o usuário pesquisa nos buscadores para encontrar respostas ou soluções. Desta forma, elas são bastante comuns em buscadores, como o Google, ou plataformas de vídeos/áudio, como o YouTube e o Spotify.

Essa é uma prática muito comum no Marketing digital, principalmente nas estratégias de SEO (Search Engine Optimization). Saber escolher as palavras-chave adequadas é mais do que meio caminho andado para otimizar o seu conteúdo.

O que verá neste texto?

Neste texto, você terá um entendimento mais amplo sobre as Keywords. Isso porque, você verá:

  • O que são palavras-chave
  • Por que elas são importante para o seu negócio
  • O que são palavras-chave negativas
  • Como escolher as palavras-chave para o seu conteúdo
  • O que são palavras-chave de cauda curta
  • Palavras-chave de cauda longa: O que são
  • Como associar as palavras-chave ao seu conteúdo
  • Como utilizar as palavras-chave em anúncios pagos
  • Palavras-chave em redes sociais: Como usar

Elas são o pilar principal para a realização de uma pesquisa. Isso porque são a forma como um usuário escreve a sua dúvida nos principais buscadores, e tem como objetivo principal obter repostas e resolver os seus problemas.

Mesmo que o termo seja autoexplicativo, é importante deixar claro sobre o seu significado, para que, quem absorva esse conteúdo absorva de forma completa.

Deve-se partir do pressuposto de que toda busca se origina de uma palavra, ou mais. Desta forma, assim que você apresenta o seu problema ao buscador, o algoritmo dele entenderá pelo termo buscado e te dará algumas sugestões de sites e conteúdos.

A We Digital conta com um trabalho especializado de pesquisa destes termos para campanhas de anúncios pagos, SEO e redes sociais.

Quando você faz isso, passa a mensagem diretamente para o Google do que quer passar para o seu público, e quando a sua persona pesquisa, as chances de você aparecer no topo, caso otimize o seu conteúdo são maiores.

Além do Google, você pode utilizar palavra-chave no YouTube. Quando faz isso, a plataforma de vídeo entende o conteúdo que você procura para assistir e sugere alguns vídeos de acordo com o SEO feito.

Por que usar essa estratégia no seu negócio?

Quando elas são encaixadas com perfeição, podem abrir um leque enorme de conteúdos para você na internet.

Desta forma, em seu negócio, significa você ser notado, lido, compartilhado, curtido e engajado. Ou então, se não utilizar essa estratégia não ser visto por desconhecimento.

Com isso, utilizar palavra-chave te ajudará muito, principalmente no marketing de conteúdo.

Quando for investir, deve traçar como um dos objetivos aumentar leads e clientes, e consequentemente sua venda.

Por conta disso, quanto mais conteúdo de qualidade utilizando os termos certos você tiver, maiores são as suas chances.

Isso porque, atualmente, todos utilizam estratégias semelhantes e parecidas para se destacarem. Sendo assim, o melhor sai na frente.

Além disso, você deve colocar as palavras-chave cuidadosamente dentro do seu conteúdo. Se você jogá-las no texto de forma aleatória não vai dar certo.

A primeira coisa que você deve ter em mente é: Por que estou usando essa palavra?

E dentro de sua mente você mesmo deve ter a resposta, antes de apenas jogar de qualquer forma.

Pense no seu funil de vendas antes de utilizar a estratégia.

Quem começa uma jornada de compra, primeiro precisa ser educado, depois identificar que tem um problema, pensar como o seu produto pode ajudá-los de alguma forma, e por fim, comprar.

O passo mais importante é o primeiro. Isso porque, a primeira impressão é a que fica, e se você dá ao seu cliente uma impressão ruim, ele não voltará ao seu site.

Palavras-Chave Negativas

Palavras-Chave Negativas

O que são palavras-chave negativas?

Aposto que quando você leu isso em nosso sumário já pensou que era algo ruim, não é mesmo?

Pois nem sempre o que é negativo é ruim. Principalmente quando sabemos usar.

As palavras-chave negativas são responsáveis por informar ao Google, em uma campanha de Ads, ou em um grupo de anúncios, quais são os termos que você não quer relacionar à sua empresa.

Por exemplo: Se você trabalha com roupas apenas para adultos, você pode incluir em suas palavras-chave os termos “infantil e “infanto-juvenil”. Com isso, seus anúncios não aparecerão para quem pesquisar essas palavras.

Sabe qual a importância do uso de palavras negativas? O seu lead será mais qualificado. Isso porque, pessoas interessadas em comprar roupas de crianças e adolescentes não irão procurar em seu site.

Desta forma, as chances de ser um lead com potencial de conversão é muito maior.

Além disso, o Google conta com uma ferramenta específica, que pode ser poderosa na hora de encontrar palavras-chave negativas, é o Keyword Planner.

Ele funciona da seguinte forma: Se você tem uma empresa de canecas, basta colocar essa palavra no espaço (Keyowrd Ideas), ou seja, ideias para palavras-chave e clicar em buscar.

Quando fizer isso, você poderá ver uma lista de termos relacionados à algumas palavras e informações básicas.

Quando ver essa lista de palavras e pesquise em seu navegador sobre este assunto. Com isso, você verá variadas pesquisas, muitas vezes sobre coisas que não estão relacionadas ao seu negócio, entretanto, te farão ter uma ideia maior de quais termos estão em alta.

Veja algumas dicas para definir as palavras-chave de seu conteúdo

Já explicamos para você, como funciona basicamente a estratégia do uso de palavras-chave, correto? Pois bem… Abaixo daremos algumas dicas do que você pode fazer para definir esses termos.

Saiba quem é a sua persona

O ponto de partida para você definir a sua estratégia é saber quem é a sua persona.

Sendo assim, quando você tem em mente quem é, tudo fica muito mais fácil. Isso porque, você terá pelo menos alguma ideia de qual tipo de conteúdo você quer passar para ela.

Para você pensar se a sua palavra-chave é relevante ou não, você deve se colocar no lugar de sua persona, pensar como ela, ser ela.

Por exemplo: De que maneira o seu público gostaria de absorver o seu conteúdo como resposta? Coloque-se no lugar da persona.

Trace o objetivo da estratégia

Esse é o ponto mais importante em qualquer campanha de marketing. Isso porque, você tendo um objetivo definido, terá um guia para montar sua lista de palavras-chave.

Ou seja, se sua empresa tem uma estratégia para vender, você deve pensar em palavras-chave potenciais para uma conversão no futuro.

Dê uma olhada no concorrente

IMPORTANTE! Olhar não é copiar. Além disso, olhar não tira pedaço, não é mesmo? Afinal, você tem suas ideias, mas por que não absorver o que tem de bom no concorrente e transformar em algo ainda melhor?

Se você tem concorrentes que investem em marketing digital de conteúdo, é fundamental que você veja o que estão produzindo e como o público está envolvido.

Isso vale tanto para o site, quanto para as redes sociais do concorrente. Afinal, nas redes sociais é onde conseguimos medir melhor a temperatura.

Use ferramentas para descobrir novas palavras-chave

Assim como citamos anteriormente, o próprio Google conta com uma ferramenta própria, o Keyword Planner. O Google trends, também do Google é outra excelente ferramenta, e o melhor de tudo, ela é gratuita.

Além disso, outras duas ferramentas bastante conhecidas é o SEMrush, que não te dá os dados precisos de navegação, tráfego e palavras-chave. Entretanto, ele te passa relatório das tendências, assim te dando dicas sobre o caminho que você pode tomar para o seu conteúdo.

Outra plataforma onde você pode utilizar gratuitamente, ou a plataforma paga, para você que produz bastante conteúdo, é o Ubersuggest. Com ele, você pode buscar o termo preterido na área de pesquisa e escolher o idioma e a área de pesquisa.

Long Tailx vs Head Tail

Long Tailx vs Head Tail

Cauda Longa e Cauda Curta (Long Tail e Head Tail Keywords): O que são?

Primeiramente, vamos falar sobre as head tail. Elas nada mais são do que palavras-chave compostas por um ou dois termos. Desta forma, podem ser desmembradas para inúmeros conteúdos.

Como são termos muito genéricos, são os mais concorridos, e com isso, tornam-se mais difíceis de se colocarem nas primeiras opções.

Isso porque, muitas pessoas utilizam, e como o termo não é tão específico, quando se pesquisa por exemplo “Ração”, pode aparecer ração para cachorros, gatos, peixes, dentre tantos outros termos, você pode levar um tempo até encontrar o que quer.

Já as long tails, ou keywords de cauda longa, são palavras-chave específicas. Nelas, geralmente você usa mais de três termos, e especifica bem qual é o conteúdo.

Por exemplo: “Preço de ração para cães de raças pequenas”. Notou a diferença? O termo utilizado aqui foi bastante específico.

Quando se faz isso, a chance de ter concorrência nas pesquisas é bem menor, e suas chances de conseguir mais destaque nas pesquisas são maiores.

Relacionando suas palavras-chave ao seu conteúdo

Para otimizar o seu blog, foque em suas palavras chave. Entretanto, o foco principal de criar um conteúdo é atender as expectativas do seu público.

Utilize as palavras-chave de forma inteligente, não jogue de qualquer forma no texto, deixe o texto atrativo.

Afinal, de nada adianta utilizar boas palavras e colocá-las de forma aleatória.

Como utilizar suas Keywords em tráfego pago?

A utilização de palavras-chave para a produção de conteúdo orgânico, é fundamental que você faça o mesmo em anúncios pagos.

Isso porque, o SEO e o Google Ads andam lado a lado, e você pode mesclar os dois para a sua estratégia.

Quando você faz a configuração de sua conta no Google Ads, você pode escolher qual o tipo de pagamento que será feito. Ele pode ser feito por CPC (custo por clique), Custo por mil impressões (ou CPM) e custo por aquisição, ou conversão, o famoso CPA.

Palavras-Chave em redes sociais

Palavras-Chave em redes sociais

Utilizando palavras-chave em suas redes sociais

Em redes sociais é normal que sempre busquemos engajamento. E em muitos casos para alcançar o público desejado, utilizamos as conhecidas hashtags. Sendo assim, nelas você utilizará algumas palavras-chave específicas para que de alguma forma o seu público seja impactado.

Para utilizar palavras-chave em redes sociais, você deve fazer uma pesquisa cuidadosa.

Existem alguns sites que sugerem hashtags para você. Isso pode ser uma ótima ferramenta para as suas publicações. Você escolhe as que se enquadram melhor e utiliza.

Lembre-se evite exageros. Exagerar em tags pode fazer com que as redes sociais punam a sua publicação

Você está pronto para ver os seus

RESULTADOS DECOLAREM?

Fale agora com nosso time e agende um mapeamento gratuito de todas as oportunidades digitais disponíveis para o seu negócio.
Image
Image