Remarketing: O que é?

Publicado em: 11 de maio de 2022

Remarketing: O que é

Remarketing: O que é?

O Remarketing é uma estratégia bastante comum na área do marketing digital, e também pode ser utilizada no “Marketing de rua”. Dentro dela você pode trazer de volta para o seu radar um possível cliente, ou até um cliente que já comprou com você, para que ele veja suas novas ofertas ou uma super promoção do que ele já adquiriu anteriormente.

Normalmente essa estratégia é feita por e-mail, mas também pode estar presente em seus anúncios de Google Ads, YouTube Ads ou Facebook Ads, impactando seu público qualificado.

Por exemplo, se você pesquisou um produto e nessa pesquisa clicou em algum anúncio, mas não compra, normalmente os dados deste cliente, ou a inteligência artificial detecta que ele faz buscas semelhantes, torna-se um potencial futuro cliente.

Provavelmente você já ouviu aquela frase “Parece que tem alguém ouvindo todas as minhas conversas”. De certa forma tem mesmo, isso porque, a inteligência artificial de seu aparelho celular está sempre trabalhando e captando informações para sugerir coisas de seu interesse.

Se você quer saber o que é remarketing, como ele funciona e as vantagens de fazê-lo, fique conosco até o final.

Remarketing por e-mail marketing

Remarketing por e-mail marketing

O que é o remarketing?

O sentido literal da palavra é fazer marketing novamente para o mesmo público. Ou seja, trazer novamente ofertas, anúncios e conteúdos para quem já teve qualquer contato com a marca anteriormente.

A ideia é que o público seja impactado e esteja engajado dentro da proposta da empresa, visto que já havia demonstrado interesse em conteúdos anteriores.

Todos nós em algum momentos já fomos impactados por este tipo de estratégia. Seja com download de e-books, matriculas de faculdades e cursos ou até lojas de tênis e roupas. Nossas próprias redes bancarias utiliza deste recurso mostrando novos serviços que você pode contratar.

Outro impacto comum hoje em dia é ver banner de algum produto que você viu ou comprou recentemente espalhadas por diversos sites.

Em algumas ocasiões, vemos tantas ofertas diferentes que em algum momento pode tornar-se inevitável não ser atingido por este tipo de estratégia. Entretanto, alertamos que não faça isso de forma tão incisiva, afinal, não queremos ser chatos, queremos vender nosso produto.

Como funciona essa estratégia?

Como citamos anteriormente, você já viu que é possível entrar em contato com pessoas que já viram os seus anúncios ou site de diversas formas. Mas sabe como funciona para realizar este tipo de ação?

A primeira coisa que você precisa ter certeza é de que a sua plataforma de anúncios contenha as informações necessárias para as pessoas que tiveram contato por essas plataformas.

Sendo assim, o Facebook Ads, o Taboola ou qualquer outra rede que você esteja anunciando, te oferecem recursos para que essas pessoas possam ser identificadas antes de você criar o seu anúncio.

Há duas formas diferentes para que você faça o seu remarketing.

1. Lista de e-mails dos leads

Essa é a forma mais tradicional de você armazenar os dados de seus leads, tendo uma lista de e-mails.

No Facebook Ads, por exemplo, você pode realizar campanhas de formulários, onde nelas o cliente preencherá alguns dados, você mesmo faz a solicitação do que deseja recolher. Assim que o cliente preenche e envia ele vai diretamente para um banco, onde você pode separá-los em planilhas para depois fazer o disparo de e-mail marketing. Com isso, você cria mais uma forma de interagir com os seus leads sem ser apenas por e-mail.

Nós, da Agência We Digital oferecemos para nossos clientes este serviço de captação de lead. Além disso, podemos fazer também este processo de remarketing tanto pela gestão de tráfego, quanto pelo e-mail marketing.

2. Pixel de remarketing

Diferentemente da lista de e-mail, com o pixel você pode fazer com que o seu processo de remarketing seja feito de forma automática. Entretanto, para isso, você deve criar um pixel em sua rede de anúncios e instalá-lo em seu site, como é o caso do Facebook Ads.

Com isso, além de criar imagens na tela do computador você pode localizar quem acessa o seu site caso o usuário autorize os cookies.

Desta forma, o pixel traz informações relevantes para que você possa traçar a sua estratégia da melhor maneira possível. As informações fornecidas pelo pixel são algumas, como: Quantidade de visitas, quantidade de impressões em um anúncio e caso haja preenchimento de dados, quem são essas pessoas.

É possível fazer remarketing no facebook ads

É possível fazer remarketing no facebook ads

Por que investir neste tipo de estratégia?

Logo de cara, podemos afirmar que o principal objetivo por investir em remarketing é as chances de conversão. Isso porque, é muito mais fácil você reverter em venda um lead que já passou pelo seu produto/serviço e demonstrou interesse do que alguém que ainda não conhece a sua marca.

Além disso, quem já foi impactado, em alguns momentos não lembra o que viu lá atrás, sendo assim, é uma boa hora de refrescar a memória destas pessoas.

Para a pessoa decidir se irá fechar a compra ou não é uma longa jornada, que vai muito além do preço. Varia desde o tipo de dispositivo que o cliente acessa até os comentários e avaliações feitas por quem já adquiriu o produto.

Desta forma, o seu site também deve passar credibilidade, desde o conteúdo até a aparência do e-commerce.

Quais as vantagens do remarketing?

A principal vantagem de apostar nessa estratégia de marketing é a economia. Entretanto, a estratégia oferece outros benefícios:

  • Taxas de conversão elevadas: Conforme citamos acima, uma das, se não a maior vantagem de apostar em remarketing é que a chance de conversão é muito maior
  • Seu ROI será maior: Como as taxas de conversão são mais altas, consequentemente o ROI também será
  • Exposição da marca: Quando um cliente potencial passa a conhecer sua marca e ver mais, as coisas se tornarão mais fáceis de negociar e decidir se vai comprar ou não
  • Orçamento menor: Para fazer campanhas de remarketing você não precisará investir tanto. Com isso, você poderá investir pouco, e converter muito
  • Segmentação qualificada: Como o cliente de remarketing já teve contato anterior com a sua empresa, ele torna-se um lead qualificado para conversões

Gostou deste conteúdo? Para mais, acompanhe-nos em nosso blog.

Você está pronto para ver os seus

RESULTADOS DECOLAREM?

Fale agora com nosso time e agende um mapeamento gratuito de todas as oportunidades digitais disponíveis para o seu negócio.
Image
Image