Autenticação de dois fatores: Por que usar?

Publicado em: 6 de outubro de 2022

Autenticação de dois fatores: Por que usar?

Atualmente é fundamental utilizar a autenticação de dois fatores em todas as suas plataformas, veja o porquê

A autenticação de dois fatores tem se tornado cada vez mais disponibilizado pelas plataformas virtuais. Isso porque, ela serve para trazer mais segurança para os usuários das redes sociais e de todas as outras plataformas.

Ela vem sendo cada vez mais consumida pelas empresas e por consumidores. Trata-se de uma etapa além da senha, que, quando alguém tenta logar no ambiente protegido, é de fato ela própria e não um fraudador ou golpista tentando cometer algum crime.

A sigla desta autenticação é 2FA, que em inglês significa “two-factor authentication”, e tem como foco confirmar a identidade do usuário, mesmo quando algum hacker ou alguém tem acesso a senha original.

Essa função já está disponível em diversos sites e aplicativos, como por exemplo: Google, Facebook, Instagram, Amazon, Mercado Livre e PayPal, por exemplo. Cada uma dessas plataformas oferece uma forma diferente de verificar a identidade, tais como: Códigos via SMS ou e-mail e biometria, por exemplo.

Veja abaixo mais informações sobre a autenticação de dois fatores, quais as suas vantagens, como ativar e porque protege os seus dados pessoais na internet.

O que é a autenticação de dois fatores?

A autenticação pode ser considerada como uma camada extra na segurança da conta. Ela tem como objetivo confirmar a identidade do usuário. Quando você ativa essa verificação de duas etapas, o usuário precisa fornecer essa segunda informação após colocar login e senha para aí sim ter acesso a conta.

Este segundo fator pode variar, isso porque dependerá do serviço que você vai acessar. Assim, você pode definir um código por SMS, PIN, respostas a perguntas secretas, código via e-mail, ligação, token, dentre outros.

Como funciona e para que serve?

O objetivo principal por trás dessa confirmação é dificultar o acesso a conta. Assim, independentemente se a senha for hackeada ou sofrer furto ou roubo, dificilmente alguém conseguirá ter acesso aos seus perfis e seus dados. Afinal, ele não terá informações do segundo fator.

O modo mais comum da dupla confirmação acontecer é através de SMS ou ligação para o seu número de telefone. Após você digitar o número solicitado poderá ter o seu acesso liberado.

Para evitar cair em golpes é de suma importância que jamais compartilhe estes códigos com terceiros. Mesmo na situação de funcionários, solicite sempre para o seu número, e após ele pedir liberação do acesso você passa o código para a liberação.

É muito comum que os criminosos entrem em contato com as vítimas inventando motivos falsos para conseguir que você passe o seu código. Caso o usuário passe este número para os criminosos, poderá perder todas as contas importantes, inclusive o WhatsApp.

Para os casos da biometria, o código é substituído pela impressão digital, scanner da íris do olho ou então reconhecimento de voz, sendo o segundo citado o mais sofisticado por proteger a conta em diversas situações. Além disso, uma outra forma de adicionar mais uma camada é através do token USB, como é o caso da Titan Token, pertencente ao Google.

Para isso, você deve adquirir o dispositivo que deve ser inserido em seu computador ou celular e gerarão um código único aleatório para que você utilize determinado serviço em segurança. No entanto, o device pode ser perdido, essa é uma solução cara e que deve ser implementada em larga escala.

Outra forma de você realizar essa verificação é com aplicativos autenticadores, como é o caso do Authy e do Google Authenticator, por exemplo. Eles exibem códigos aleatórios que devem ser inseridos e tem suporte ao recurso da autenticação de 2 fatores.

No Facebook, por exemplo, você tem a opção de pegar até 10 chaves aleatórias e armazenar neste aplicativo.

Evite ataque de hackers e golpistas

Evite ataque de hackers e golpistas

Quais são as principais oportunidades da autenticação de dois fatores

Se você perguntar para qualquer especialista de cyber segurança, a resposta dele será bem simples: Coloque autenticação em absolutamente tudo.

Isso porque é uma ferramenta que aumenta consideravelmente o controle e proteção da empresa e dos seus dados sigilosos.

No entanto, é importante ver qual é a melhor forma de utilizar essa autenticação.

Acesso interno e remoto de sistemas corporativos

Todas as empresas tem investido em transformação digital, para isso, prezam por manter seus dados e portais seguros ao máximo.

Ter uma equipe de inteligência de segurança cibernética é importantíssimo para que os seus negócio progrida.

A autenticação de dois fatores ajudam a empresa a ter controle de transações bancárias

Este é um dos pontos altos da 2FA. Isso porque, alguém pode invadir a sua conta bancária e realizar transferências.

Além disso, a facilidade do pix apenas aumentou a quantidade deste tipo de golpe.

Aumentar essa camada de proteção sobre a sua conta e te deixa a par de tudo o que está acontecendo em sua conta.

Conclusão

Pela cyber segurança de sua empresa é fundamental que você utilize a autenticação de dois fatores em tudo o que requer acesso.

Com isso, você protegerá seus dados e o de seu negócio.

Gostou deste conteúdo? Acesse o nosso blog para mais dicas como essa.

Você está pronto para ver os seus

RESULTADOS DECOLAREM?

Fale agora com nosso time e agende um mapeamento gratuito de todas as oportunidades digitais disponíveis para o seu negócio.
Image
Image