Marketplace: Como funciona?

Publicado em: 30 de março de 2023

Marketplace- Como funciona

Você sabe como realizar vendas online através do market place?

Se você tem Facebook provavelmente já ouviu falar no Marketplace, certo? Mas afinal, o que é e como funciona essa plataforma? Uma das melhores definições para ele seria um “shopping virtual”. Isso porque trata-se de uma plataforma de vendas online colaborativa.

Ou seja, funciona mais ou menos como um e-commerce, porém com vários vendedores ocupando o mesmo espaço.

Como fica em uma rede social tão movimentada, a chance do vendedor ser visto é muito maior. Além disso, encontrará mais facilmente o seu público-alvo, já que quem deseja encontrar algo específico.

Este tipo de negócio se popularizou em meio a crise financeira no Brasil. Isso porque foi uma maneira do brasileiro conseguir complementar a sua renda ou investir o seu dinheiro e começar o seu próprio negócio.

É muito importante que você busque fazer algo diferente para se destacar em relação a concorrência, assim como funciona no comércio.

Quem está adentrando neste mercado deve ter consciência que o brasileiro faz compras online cada vez mais. Além disso, é necessário que estude o comportamento de mercado, o que mais vende e de que forma.

O Marketplace é uma excelente alternativa para quem está começando a empreender porque não necessita um grande investimento inicial para começar a vender.

O que é o Marketplace?

Como citado anteriormente, ele pode ser definido como shopping virtual, com diversos lojistas buscando vender os seus produtos no mesmo lugar. Diferentemente do e-commerce, onde cada pessoa deve criar e fazer a gestão de seu site. Já no Marketplace é uma lógica coletiva, mais ou menos como funciona em um shopping center.

O grande diferencial da plataforma é que você pode evidenciar o seu produto para mais pessoas, trazendo um alcance maior do que em um e-commerce comum. Além disso, o cliente terá uma experiência semelhante a que ele tem no varejo físico.

O Marketplace tem sido alternativa para novos empreendedores

O Marketplace tem sido alternativa para novos empreendedores

Por que investir na plataforma?

O Marketplace pode ser considerado uma ótima alternativa para quem quer iniciar no mercado online de vendas ou para quem já empreende e tem experiência com este tipo de negócio. Muitas vezes estes empreendedores optam por expandir os negócios da loja física para a virtual.

Além de colocar a sua cara nas mídias online, você deve fazer anúncios qualificados e utilizar o seu dom de vendedor. Este processo é mais fácil para quem já tem alguma experiência com vendas mesmo no varejo físico.

O que muitas pessoas não sabem, é que para você vender, você tem que saber fazer isso, ou aprender. Aproxime-se de seus clientes, esclareça todas as suas dúvidas, atenda cada cliente como único.

A maior vantagem do Marketplace é a oportunidade que pequenos empreendedores tem de competir com as grandes empresas. Além disso, assim como funciona no e-commerce, é possível enviar as mercadorias através de correios. Isso fará com que o vendedor consiga enviar o seu produto para qualquer lugar do país.

Quais e-commerces proporcionam para os empreendedores o modelo de Marketplace no país?

O mercado traz várias opções atualmente, entretanto, as principais são:

B2W Essa é a maior loja da América Latina que atua dentro de diversas marcas, dentre elas: Americanas, Submarino e Shoptime. Estes sites recebem cerca de 191 milhões de pessoas por mês.

Via Varejo Neste você pode encontrar alguns sites, como: Csas Bahia, Ponto Frio, Extra, dentre outros. Segundo o Via Varejo, os seus sites tem cerca de 80 milhões de acesso durante todos os meses.

Mercado Livre Este foi um dos primeiros a surgir, na América Latina ao todo são cerca de 10 milhões de vendedores para mais de 34.000.000 de consumidores.

Amazon Foi a criadora do conceito de Marketplace e já tem mais de 20 anos de E-commerce.

Qual a documentação necessária para que você entre no Marketplace

A documentação solicitada pelas diferentes plataformas de Marketplace pode variar de uma para outra. Sendo assim, é importante que você esteja pronto(a) para qualquer uma dessas situações.

CNPJ

Assim como em todo negócio que precisa ser regulamentado e cadastrado, um CNPJ é fundamental. No caso de quem empreende sozinho, ou está começando, o MEI irá servir.

E-CNPJ

É o mesmo do CNPJ, porém na versão digital. Ele será essencial para assinar contrato e prestação de serviço com o Marketplace. Vale ressaltar que os canais de venda para quem tem empresa necessitam deste documento.

Certidão negativa

Para a segurança de seu negócio, e evitar reprovações do Marketplace, é importante que você consulte a sua certidão negativa de débitos no site da receita federal.

CNAE

Para que você seja um comerciante no marketplace, é essencial que você tenha o CNAE (Classificação Nacional de Atividade Econômicas para varejista. Caso você já tenha e deseja consultar a classificação de seu negócio, basta clicar aqui.

Além disso, caso sua loja não esteja classificada com a CNAE varejista, você deverá incluí-la em seu CNPJ. Para realizar o processo você deve fazer um contrato social com a assinatura de todos os representantes legais de sua loja.

Sintegra

Por fim, você deverá emitir uma nota fiscal para que possa começar a vender no Marketplace. Para emitir este documento você deverá estar cadastrado no sistema integrado de informações de operações interestaduais de mercadorias e serviço, também conhecido como Sintegra.

De modo geral, as plataformas que oferecem Marketplace solicitam o CNPJ para verificar se há este registro. Entretanto, se ficar com dúvidas é importante que você procure o seu contador.

Com o marketplace você trabalha sem sair de casa

Com o marketplace você trabalha sem sair de casa

Aguardando a aprovação do Marketplace

Quando você preencher todas as informações de cadastro, deverá esperar o canal aprová-lo. Normalmente ocorre de forma rápida.

Caso algum de seus documentos não estejam de acordo, o Marketplace irá te avisar e você deverá resolver o que está pendente.

Para tentar realizar uma nova tentativa, você deverá esperar mais alguns dias.

Por fim, o processo de cadastro costuma ocorrer de forma rápida e normalmente te guiará de forma intuitiva para que você prossiga com o seu cadastro até o final.

Gostou deste conteúdo? Todas as semanas trazemos para você novos conteúdos.

Veja também:

Você está pronto para ver os seus

RESULTADOS DECOLAREM?

Fale agora com nosso time e agende um mapeamento gratuito de todas as oportunidades digitais disponíveis para o seu negócio.
Image
Image